domingo, 19 de setembro de 2010

A igreja de Antioquia: cheia do Espírito Santo



E a mão do Senhor era com eles, e grande número creu e se converteu ao Senhor.
Atos 11:21







Aqueles, pois, que foram dispersos pela tribulação suscitada por causa de Estêvão, passaram até a Fenícia, Chipre e Antioquia, não anunciando a ninguém a palavra, senão somente aos judeus. Havia, porém, entre eles alguns cíprios e cirenenses, os quais, entrando em Antioquia, falaram também aos gregos, anunciando o Senhor Jesus. E a mão do Senhor era com eles, e grande número creu e se converteu ao Senhor. Chegou a notícia destas coisas aos ouvidos da igreja em Jerusalém; e enviaram Barnabé a Antioquia; o qual, quando chegou e viu a graça de Deus, se alegrou, e exortava a todos a perseverarem no Senhor com firmeza de coração; porque era homem de bem, e cheio do Espírito Santo e de fé. E muita gente se uniu ao Senhor. Partiu, pois, Barnabé para Tarso, em busca de Saulo; e tendo-o achado, o levou para Antioquia. E durante um ano inteiro reuniram-se naquela igreja e instruíram muita gente; e em Antioquia os discípulos pela primeira vez foram chamados cristãos. Atos 11:19-26.

O texto de Atos 11:19-26, descreve a maior igreja do mundo, a de Antioquia da Síria. Essa igreja permanece uma luz através dos séculos. Ela serve para nos inspirar na urgência de pregar a mensagem de Jesus a todos os povos. A igreja de Antioquia era cheia do poder do Espírito Santo e por isso, cheia da Graça de Deus, cheia de frutos que glorificavam o Senhor.


O trabalho em Antioquia começou a partir da perseguição de Saulo a Estevão e a todos os cristãos. Essa perseguição espalhou os cristão pelo mundo, e eles cheios do Espírito Santo levaram a mensagem de Jesus a todos os povos.


Dos cristãos que foram para Antioquia, havia um grupo que se dedicava apenas a pregar o Evangelho aos judeus e outro, aos gentios.


Esse grupo compreendia que a mensagem da salvação era para todos e não apenas para os judeus. A igreja de Antioquia foi organizada a partir desse grupo que pregava o evangelho a todos, sem distinção.


Ela possuía algo que muitas igrejas de hoje não possuem: "A mão do Senhor estava com eles". (Atos 11:21).


O progresso da igreja de Antioquia chamou a atenção, e a igreja de Jerusalém enviou para lá Barnabé, que imediatamente começou a trabalhar com eles, exortondo-os a que permancessem no Senhor. Barnabé era um homem de visão missionária, que "vendo a Graça de Deus, alegrou-se (Atos 11:23). Era também um homem bom, cheio do Espírito Santo e de fé. (Atos 11:24). Sua principal qualidade era estar cheio do Espírito Santo". Por causa do Espírito muita gente se uniu a Jesus. (Atos 11:24).


Barnabé viu a grandeza da obra de Antioquia e humildemente saiu em busca de Paulo para ajudá-lo no trabalho. Os dois trabalharam naquele lugar durante 01 ano e "ensinavam numerosa multidão". (Atos 11:26).


Muitas igrejas se esquecem da importância do ensino para aquecer os corações com o poder do Ensino. Em Antioquia, a mensagem de Cristo era tão presente que os discípulos foram chamados de Cristãos pela primeira vez.


A igreja de Antioquia era Poderosa porque era completa. Dedicava-se ao ensino, ao serviço e a oração. Com jejum e oração, aqueles Cristãos se preocuparam em mandar Paulo e Barnabé ao mundo para espalahar a mensagem de Cristo a todos, obedecendo ao Espírito Santo. Ora, na igreja em Antioquia havia profetas e mestres, a saber: Barnabé, Simeão, chamado Níger, Lúcio de Cirene, Manaém, colaço de Herodes o tetrarca, e Saulo. Enquanto eles ministravam perante o Senhor e jejuavam, disse o Espírito Santo: Separai-me a Barnabé e a Saulo para a obra a que os tenho chamado. Então, depois que jejuaram, oraram e lhes impuseram as mãos, os despediram.(Atos 13:1-3).


A igreja de Antioquia é um exemplo a ser seguido e posto em prática em nossos dias. A igreja de hoje precisa abandonar seus preconceitos e barreiras e ir atrás das pessoas. Precisa preocupar-se em ser viva e operosa e gahnhar almas para Cristo. Lembrar-se de que Cristo morreu por todos e sacrificou-se pelas almas que ainda não conhecem o Salvador. A igreja de nossos dias precisa de uma visão universal de Reino.


Precisa sair às ruas e procurar os perdidos, sua missão é levar o evangelho de Cristo a toda criatura!


Estamos dispostos a pagar o preço!?


Deus o abençoe,

Pastor Fabio Luiz Furtado















Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário